Uma Conversa Entre Rubinho e Ecclestone

Charge de Formula 1: Barrichello e Ecclestone conversando sobre Formula 1

E alguns minutos antes da largada para o Grande Premio do Brasil (de 2011), o todo poderoso da FOM e dono da F1 Bernie Ecclestone encontra Rubens 1B.

-Hei rapaz, vem cá.

-Pois não senhor Ecclestone.

-Então rapaz... Não pense você que eu sou insensível e que não estou ligando para esta sua situação indefinida na minha competição.

-Sério?

-Claro que sim... Afinal cedeu vários anos de sua vida à causa da F1 e do meu bolso.

-Que isto, eu fiz por amor ao automobilismo, às corridas, ao Brasil e...

-Tá, tá... Eu acredito em tudo isto. Já ouvi antes e acredito. Sinceramente.

-Então... Eu fico muito grato.

-Não precisa... – e vai saindo.

-Mas senhor Ecclestone, só uma coisa, onde eu vou correr?

-Não se preocupe, vai estar num carro rápido. Prometo.

-Mas, me dá uma dica, por favor...

-Não... Estes jovens são uns curiosos mesmo...

-Por favor... Uma dica só!

-Tá bom, uma só... Você vai estar em um carro muito rápido.

-Sério? – e abre um sorriso enorme.

-E eu sou homem de mentir?

-Até é, mas... Diz mais alguma coisa.

-Tá... Você vai estar na frente de todo mundo diversas vezes durante o ano.

-Mesmo? – e o sorriso, além de grande, fica luminoso.

-Mesmo, mas agora deixa ir.

-Deixo, mas só mais uma coisinha, diz qualquer coisinha...

-Tá... Seu carro vai ter motor Mercedes. Está bom assim?

-Nossa! Motor Mercedes; carro muito rápido; à frente de todos algumas vezes... Tem o perfil do projeto da Force Inda para 2012! Eu vou estar no Force Índia? É isto? - Já esta além do sorriso luminoso e enorme, pulando feito criança.

-Não rapaz, eu sou poderoso, mas ainda não posso escolher piloto para as equipes ainda... Você vai é pilotar o safety car mesmo...

--

Agradecimentos ao Ron Goo: www.blogdogroo.blogspot.com.br (E no padock de Interlagos...)


Gostou da matéria? Ajude o site. Compartilhe já nas redes sociais abaixo :) :